Seja o seu foco

O mundo é uma tentação. Cheia de gente para ajudar, cheio de problemas que não são nossos. Problemas, na maioria das vezes, fáceis de resolver. Problemas com os quais não estamos envolvidos de verdade. A criação de filhos que não nos pertencem, o “problema de peso” da vizinha, a falta de trabalho do irmão. Problemas que, vistos de fora, seriam resolvidos em cinco minutos.

Mas essas pessoas não conseguem né? E você já parou para pensar que agora, nesse momento, tem uma pessoa – ou duas, ou mais – pensando justamente isso de você? De como seria fácil resolver aquela sua questão com a sua mãe? De como seria tranquilo arrumar uma solução para aquele vazamento do seu banheiro? E do quanto você não está resolvendo isso que, – poxa – é tão fácil?

Fácil, fácil mesmo é tentar resolver problemas do outros. Questões com as quais não temos nenhum envolvimento. Questões que nunca tentamos realmente resolver antes ou que não possuem nenhum vínculo emocional. Mas quando a coisa está com a gente, na nossa cozinha, com os nossos cachorros, aí a coisa não é tão fácil.

Temos o hábito cultural de cuidar da vida dos outros, e pior, abandonar a nossa vida por conta disso. Você não resolveu porque precisa ajudar não sei quem. Claro, é mais fácil. Claro, é mais direto. Claro, claro, claro. Tudo parece claro quando não está diante dos nossos olhos. Quando não estamos cansados de tanto lidar com aquilo. Quando aquilo não nos machuca profundamente, seja por não ser resolvido, seja porque, se aquilo for, vai deixar um vazio imenso.

Então, na realidade, nosso foco sempre tem que ser a gente. Independente do quanto amemos ou queiramos bem o outro. Do quanto aquilo parece – e sempre só parece – fácil para gente. Olhar, com compaixão, para o outro e para si mesmo. Cuidar de tratar dos próprios problemas e sim, ajudar, mas só e quando o outro pedir. E só e como o outro consentir. E aí sim vai sobrar tempo para pensarmos e resolvermos as nossas pendências que, acreditem, serão bem mais complicadas do que o outro imagina.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s